Cuidamos
de
GERAÇÕES
 
Informações úteis
A Criança tem Vómitos
A Criança tem Diarreia
A Criança tem Febre
A Criança e Saúde Oral
Manchas na Pele
Dores de Crescimento
Pilinhas - Puxar a pele?
Dores de Barriga
 

Organizada em 3 áreas, Criança, Mulher e Adulto a Clínica Gerações tem vários programas específicos dirigidos a problemas frequentes que são abordados por equipas multidisciplinares para obtermos os melhores resultados.

 

Manchas na pele

O aparecimento de manchas na pele é uma situação que acontece muitas vezes em crianças e uma causa frequente de visitas ao médico e aos serviços de urgência. Quando uma criança aparece com manchas na pele, é importante que os pais olhem atentamente para a criança e pensem na resposta a três perguntas fundamentais:

1 – que tipo de manchas são
2 – quais as zonas do corpo atingidas
3 – qual o estado geral da criança.

1ª Pergunta – que tipo de manchas tem a criança

A primeira observação que os pais têm de fazer é se as manchas são pequenas ou grandes, qual a sua cor e se desaparecem quando são pressionadas com o dedo. A maioria das doenças provoca manchas que são pequenas (mesmo que atinjam grandes zonas do corpo) de cor rosa e que desaparecem ou se atenuam quando é feita alguma pressão sobre elas. Manchas de grandes dimensões podem existir quando ocorre uma reacção alérgica a um alimento ou medicamento como acontece na urticária. Manchas pequeninas de cor mais escura (cor de sangue) e que não se alteram quando se faz pressão sobre elas chamam-se petéquias. As petéquias podem indicar que a criança tem uma infecção grave como uma sépsis ou meningite, principalmente se a criança está prostrada e com febre elevada ou vómitos. Existem outras doenças que também provocam o aparecimento de petéquias mas, na dúvida, sempre que este tipo de manchas aparecer a criança deve ser vista por um médico.

Pergunta 2 – quais as zonas do corpo atingidas

A maioria das doenças que originam manchas na pele tem uma distribuição mais ou menos característica. Na criança que tem alguma tendência alérgica surgem muitas vezes zonas de eczema na face, atrás das orelhas, no pescoço e nas zonas das articulações. A pele restante está geralmente poupada, mas tende a estar seca. As picadas de insecto aparecem principalmente nas zonas expostas da pele como as extremidades dos braços e pernas ou na barriga, na criança que dorme destapada. São geralmente poucas manchas, todas localizadas na mesma zona e provocam muita comichão. As petéquias podem surgir em qualquer zona do corpo.

Pergunta 3 – Qual o estado geral da criança

Na maioria dos casos as manchas no corpo seguem-se ou são simultâneas com pequenas subidas de temperatura ou mesmo uma constipação. Nas situações graves a criança está prostrada, com pouco apetite, com febre ou arrepios de frio, vómitos ou dores de cabeça. Na presença de manchas na pele o mais importante é os pais observarem o estado geral da criança. Uma criança com mais ou menos manchas que está sem febre, mantém o apetite, mantém os seus hábitos de sono e está bem disposta não sofre seguramente de qualquer doença grave. Se, independentemente do tipo de manchas, a criança está prostrada ou com febre alta ou vómitos, deve ser vista de imediato por um médico. Nas situações intermédias, em que pode existir uma febre baixa, dores de cabeça ou alguma perda do apetite muitas vezes tudo o que há a fazer é baixar a febre e aguardar algum tempo (24 horas) para ver qual o rumo que a doença vai tomar. Se a criança teve contacto com outras que entretanto também adoeceram, por exemplo com varicela, o trabalho fica facilitado.

Depois de tudo isto, será fácil compreender três regras simples que todos os pais devem seguir quando um dos seus filhos surge com manchas no corpo:

Regra 1: criança com manchas no corpo e febre alta deve ser observada com urgência.

Regra 2: criança com petéquias deve ser observada com urgência.

Regra 3: nos outros casos pode ser dado algum tempo para observar a evolução da situação. Em caso de dúvidas deve contactar o pediatra assistente da criança.